Pré-Agendar Consulta













Hospitais de Atendimentos

Hospital de Olhos Limongi

CBCO (Centro Brasileiro de Cirurgia de Olhos)

Consulta agendada com sucesso!

Houve um erro ao enviar seu agendamento.

Blog

27 FEV

Como diagnosticar o glaucoma?


Doença de progressão lenta que não apresenta nenhum sintoma evidente, o glaucoma oferece um alto risco de cegueira permanente caso o tratamento adequado não seja realizado.

Essa disfunção se apresenta em diferentes características, como de ângulo aberto, fechado e congênito. A origem da doença costuma vir de uma lesão no nervo óptico, acarretando em um aumento da pressão dos olhos.

O diagnóstico do glaucoma pode ser feito através dos seguintes exames:

Tonometria
Avaliação que investiga a pressão interna do olho, que nos casos da doença supera 22 mmHg.

Fundoscopia
Exame que analisa o formato e a cor do nervo óptico, identificando a presença ou não de lesões que possam ter surgido por consequência do glaucoma.

Campimetria
A perimetria auxilia o oftalmologista a identificar perdas do campo de visão provocadas pela doença, particularmente na visão lateral.

Paquimetria
Exame utilizado na avaliação da espessura da córnea. Complementa a tonometria, analisando se a leitura da pressão intraocular confere ou se é afetada por outra córnea muito espessa.

É válido lembrar que apenas o oftalmologista está apto para realizar o correto diagnóstico de doenças oculares. Mantenha consultas regulares com o seu médico ou, caso prefira, entre em contato com o Dr. Roberto Limongi.

Postado por Prof. Dr. Roberto Limongi